segunda-feira, 4 de abril de 2011

PASTOR MARCO FELICIANO NECESSITA DE NOSSAS ORAÇÕES.




Em meio a vários parlamentares evangélicos eleitos no último pleito, o pastor Marco Feliciano tem até o momento honrado o seu mandato em defesa da fé cristã e da família. Em conseqüência tem atraído à ira e a perseguição dos homossexuais e de uma parte da mídia tendenciosa.

Veja a sua defesa na tribuna em resposta ao também deputado Jean Wyllis:

O Deputado Federal Marco Feliciano Nas eleições de 2010, entre os evangélicos a disputarem vaga para deputado federal, Marco Feliciano (pastor assembleiano), foi o candidato mais bem votado no Brasil, representando São Paulo. Ele se elegeu com um total de 211.855 através do partido
PSC.


Jean Wyllis - dono de apenas 13.018 votos; candidato pelo PSOL/RJ - provavelmente eleito graças ao sistema de voto proporcional, isto é, alçado à carreira política indiretamente, sem a intenção da maioria de eleitores cariocas, ex-participante de programinhas BBB, afirmou que seu mandato será contra a Bancada Evangélica e pedirá abertura de contabilidade das igrejas cristãs.


O Pr. Marco Feliciano reagiu. Ele subiu à tribuna da Câmara Federal e discursou mostrando grande disposição de rebater a ala de homossexuais e seus representantes, que tem na Senadora Marta Suplicy (8.314.027 votos /PT-SP), de outra casa legislativa, a pessoa de maior peso a apoiar Wyllis.


Como eleitor em São Paulo, espero ações producentes dos demais evangélicos eleitos por este estado. Estamos de olho, esperamos engajamento efetivo daqueles que representam a igreja evangélica.

Além de Marco Feliciano, os deputados federais eleitos por eleitores paulistas são: Jorge Tadeu - 164.650 votos /PPS (Igreja Internacional da Graça de Deus); Bispo Antonio Bulhões - 162.667 votos / PRB (Igreja Universal do Reino de Deus); Pastor Paulo Freire da Costa - 161.083 votos /PR (Igreja Evangélica Assembleia de Deus ministério Belenzinho); Missionário José Olimpio - 160.813 votos / PP (Igreja Mundial do Poder de Deus); Pastor Jefferson Campos - 116.317 votos / PSB (Igreja do Evangelho Quadrangular); Marcelo Aguiar - 98.842 votos /PSC (Igreja Apostólica Renascer em Cristo).


O discurso do Pr. Marco Feliciano foi o seguinte:


"É com grande satisfação que uso desta tribuna, neste momento, para manifestar minha preocupação com atitudes e posições de colegas que se dizem representantes de minorias e tentam inverter valores, visando instalar uma ditadura de minorias nesta Casa, em contraponto com a grande maioria de deputados representantes de grupos de pessoas que prezam pelos bons costumes, não se reduzindo a apenas Deputados da Frente Evangélica.


Quando o assunto passa para questionamento da prestação de contas das igrejas, o nobre deputado envereda pelo campo do confronto, demonstrando vontade de atuar em todas as direções, falta de abstração intelectual para apresentar motivos mais substanciais para justificar sua lide e aconselho o nobre colega a verificar na internet, a prestação de contas de todas as igrejas, pois possuem um corpo de administração, com tesouraria e relatório de prestação de contas. Muitas com trabalho social tão relevantes, tirando drogados das ruas e amparado órfãos e idosos, muitas vezes as despesas superando em muito, as receitas.


Sabemos que a mídia sempre dá destaque para posições polêmicas. Entendemos e respeitamos, mas não estamos aqui para municiar debates midiáticos e sim, para bem representar os milhões e milhões de brasileiros que professam uma fé calcada no que Ensina o Livro Sagrado – Uma família é constituída por pai, mãe e filhos – base para qualquer sociedade se desenvolver no trabalho, na educação e ser feliz. Esse é o objetivo de quem foi constituído pelo povo para representá-lo nesta Casa de Leis.
Graça a Deus, esta Casa é um parlamento democrático e convido o nobre colega para um debate de idéias, sem preconceitos e para que possamos como gente civilizada e hoje, na posição de legisladores, podermos encontrar um caminho para o bem comum, com respeito à posição individual de cada um, desde que não intencionemos fazer com que, por causa da impressão que se quer dar, de fragilidade de determinados grupos, venhamos a renunciar a valores inegociáveis de nosso caráter e formação".

Em represária os crupos de defesa a homossexualidade tem contra-atacado espalhando diversas noticias distorcidas e acusações na internet, estes grupos querem implantar no Brasil a lei da mordaça, é uma pena que os demais palamentares evangélicos tenham se mantido neutros nestes debates, cedendo para os interesses de uma minoria, contra os interesses da familía brasileira.
Veja a defesa do Pastor Marco Feliciano a revista Época:


O parlamentar, envolvido em polêmica semelhante à de Jair Bolsonaro, diz a ÉPOCA que não é racista nem homofóbico
Lucas Hackradt

PARLAMENTAR POLÊMICO O deputado Marco Feliciano (PSC-SP), que foi eleito para a Câmara com 211 mil votos.Depois da polêmica participação do deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) no programa de TV CQC, esta quinta-feira (31) foi o dia de outro parlamentar, Marco Feliciano (PSC-SP), causar confusão ao postar em sua conta do Twitter mensagens que foram interpretadas como racistas e homofóbicas. Por volta das 15 horas desta quinta, Feliciano tuitou: “Africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé. Isso é fato”. Antes dessa mensagem, ele já havia escrito: “Entre meus inimigos na net (sic), estão: satanistas, homoafetivos, macumbeiros...”

As mensagens geraram uma série de protestos online contra ele, que já havia afirmado na quarta-feira, também pelo Twitter, que os negros africanos sofrem com pestes, pobreza e fome por descenderem, supostamente, desse ancestral amaldiçoado, neto do personagem bíblico Noé. “A maldição de Noé sobre Canaã (o neto) toca seus descendentes diretos, os africanos”, afirmou. Segundo o deputado, Canaã teria sido amaldiçoado porque seu pai teria cometido um ato homossexual, referindo-se a uma passagem bíblica em que Cã (pai de Canaã) ri da nudez de Noé. “Alguns eruditos afirmam que a palavra rir aponta para prazer, então o filho abusa da nudez do pai”, disse. Em seguida, Feliciano conclui que esse seria “possivelmente o 1º Ato de homossexualismo da história”.




POLÊMICA No twitter, Feliciano postou que africanos seriam "amaldiçoados". A ÉPOCA ele afirmou que não se referia à cor, mas à religião dos povos da África.A ÉPOCA, Feliciano disse que tudo não passou de uma “infelicidade”. “Sou professor de teologia, e uma vez por dia posto no meu twitter uma pergunta bíblica para meus alunos. A questão do dia tinha sido essa: ‘por que Noé ficou furioso com o filho, que o viu nu, e amaldiçoou o neto e não o próprio filho?’” Segundo a explicação que ele deu à reportagem, Noé, enfurecido, teria lançado uma praga sobre o neto para machucar mais o filho, e esse neto, Canaã, teria dado origem aos povos africanos.

O parlamentar voltou a defender que não é racista, pois ele próprio, disse, tem origens negras. Sua intenção com a mensagem, afirmou, era atentar para o fato de que os povos africanos são amaldiçoados não por serem negros, mas por terem uma religião diferente da cristã. “A palavra lançada (a maldição) só é quebrada quando alguém encontra Jesus. Quando eles fazem isso, a maldição não repousa mais sobre eles. Ela é quebrada em Cristo”, afirmou. Na África, predominam as religiões pagãs e politeístas.

>> Leia também: Quem protege Bolsonaro, texto do colunista de Política de ÉPOCA Paulo Moreira Leite

A polêmica com Feliciano aumentou quando o deputado resolveu responder a um grupo de homossexuais que questionavam suas declarações. “A podridão dos sentimentos dos homoafetivos levam (sic) ao ódio, ao crime, a rejeição”, escreveu no twitter. O parlamentar se diz perseguido pelos grupos LGBT e afirma acreditar que eles tenham começado toda a confusão. “Foram eles (os homossexuais) que espalharam que eu sou homofóbico e racista. Isso é leviandade”, disse a ÉPOCA.




SENTIMENTOS "PODRES" A outra mensagem que causou polêmica. Segundo Feliciano, ele não se referia a todos os homossexuais como "podres". Apenas aos que o insultam pelo twitter.“Eu amo os homossexuais”, escreveu em sua página. Segundo Feliciano, a mensagem, que chamava os sentimentos desse grupo de “podres”, se referia apenas aos homossexuais que o perseguem, e não a todos. “Eu respeito os gays como seres humanos. Se o meu patrão, que é Deus, não interefere na vida deles, quem sou eu para interferir”, disse.

“O que eu não aceito é a prática da promiscuidade aos olhos dos meus filhos, as atitudes homossexuais em espaço público, dois homens se beijando na frente dos meus filhos. Isso fere o Cristianismo do qual faço parte. Entendo as pessoas, mas não sou obrigado a aceitar a atitude delas”, afirmou Marco Feliciano, que obteve 211 mil votos nas eleições.

Assim como com Jair Bolsonaro, na internet já surgiram movimentos que pedem a cassação do deputado. Nenhum outro parlamentar tinha se pronunciado sobre o assunto até o final da tarde desta quinta. Além de conceder entrevista por telefone, o deputado Marco Feliciano divulgou uma nota à imprensa às 18h44. Abaixo segue a íntegra do comunicado, encaminhado à redação de ÉPOCA:

"São Paulo-SP, 31 de março de 2011.

Após algumas horas de uma postagem na internet: AFRICANOS DESCENDEM DE ANCESTRAL AMALDIÇOADO POR NOÉ. ISSO É FATO. O MOTIVO DA MALDIÇÃO É A POLÊMICA. NÃO SEJAM IRRESPONSAVEIS TWITTERS rsss Fui alvo de milhares de pedradas, sapatadas, raquetadas, "twittadas", e ainda virei matéria de midias como UOL, etc.

O que gostaria aqui de explanar, explicar e logo depois DENUNCIAR é algo grotesco e absurdo!

Primeiro a Explanação:

Gn. 9:22-25 - E viu Cão, o pai de Canaã, a nudez do seu pai, e fê-lo saber a ambos seus irmãos no lado de fora. Então tomaram Sem e Jafé uma capa, e puseram-na sobre ambos os seus ombros, e indo virados para trás, cobriram a nudez do seu pai, e os seus rostos estavam virados, de maneira que não viram a nudez do seu pai. E despertou Noé do seu vinho, e soube o que seu filho menor lhe fizera.E disse: Maldito seja Canaã; servo dos servos seja aos seus irmãos.E disse: Bendito seja o SENHOR Deus de Sem; e seja-lhe Canaã por servo. Alargue Deus a Jafé, e habite nas tendas de Sem; e seja-lhe Canaã por escravo..

No texto acima temos a citação biblica onde Noé amaldiçoa o descendente de Cão, ou seja, toda a sua descendencia, pois Canaa era o mais moço. Canaã representa diretamente a descendencia de Cão representando todos os seus filhos.

Gn.10:6 - E os filhos de Cão são: Cuxe, Mizraim, Pute e Canaã.

Acima vemos os filhos de Cão. Entre eles Cuxe. Veja abaixo a citação do Historiador Hebreu:

Flavio Josefo dá conta da nação de Cuxe, filho de Cam e neto de Noé : "Para um dos quatro filhos de Cam, o tempo não para toda a mágoa o nome de Cush; para a Etiópia , sobre o qual reinou, são ainda menos Neste dia, tanto por si e por todos os homens na Ásia , etíopes chamados. "(Antiquities of the Jews 1.6). ( Antiguidades dos Judeus 1,6).

Bem, citando a bíblia e a história, a veracidade sobre a postagem. AFRICANOS DESCENDEM DE CÃO, FILHO DE NOÉ.

Segundo a Explicação:

Como Cristãos, cremos em bençãos e portanto não podemos ignorar as maldições. Recai sobre o homem o peso da lei, toda vez que por ele a lei é quebrada.

Ex.34:7 que conserva sua graça até mil gerações, que perdoa a iniqüidade, a rebeldia e o pecado, mas não tem por inocente o culpado, porque castiga o pecado dos pais nos filhos e nos filhos de seus filhos, até a terceira e a quarta geração".

Alguns creem que tudo acontece aqui na "horizontal" da existência, tipo, problemas vem por culpa do governo, empresarios, etc. Mas nós cristãos cremos que existem coisas que vem da "vertical", ou seja, cremos que Deus governa o mundo. E sua palavra não volta atrás .

Todavia, também cremos que toda vez que o homem, a familia, o país, entrega os seus caminhos ao Senhor, toda maldição é quebrada na cruz de Cristo!

Tem ocorrido isso no continente africano. Milhares de africanos, tem devotado sua vida a Deus e por isso o peso da maldição tem sido retirado, afinal esta escrito na palavra de Deus:

Is.10:27 - A unção despedaça o jugo!

Gl. 3:13 - Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro;
 
Terceiro a DENUNCIA:

Desde o periodo das eleições, quando apresentamos ao povo evangélico as leis que tramitavam na camara, como a Pl. 122, comecei a receber ataques, ameaças, xingamentos, e outras coisas mais que não vale a pena citar aqui. Um dos seus representantes mais atuantes, um parlamentar eleito, ao assumir seu lugar em Brasilia, chamou a imprensa e declarou guerra a bancada evangélica. Sou o Deputado Evangélico mais votado do País. Dai seus tiros contra mim, através dos seus asseclas que ficam no twitter a espreita, procurando alguem que possam denegrir. No twitter existe um grupo de homoafetivos que deturpam tudo o que digo, e dessa vez foram longe demais! Esparramando pela midia uma matéria esdruxula! Ja fui entrevistado hoje por muitos jornalistas, alguns sensibilizados por compreenderem do que se trata, outros irritados ja me chamando de HOMOFÓBICO E RACISTA.

Alerta a comunidade evangélica! Estamos sob fogo cruzado! E é preciso uma ação coletiva de repudio a esses ataques e a essas infames insinuações, pois isso pode provocar o ódio, a cólera, a ira, e sabe Deus o que mais.

Recebi uma mensagem de ameaça de morte dizendo que estou na lista ao lado de pastores como Silas Malafaia e outros.

Conclamo a Mídia Cristã responsável, pois existem tambem no nosso meio cristão uma MIDIA MARROM, inescrupulosa, baixa, irresponsável e leviana, que se alimenta de especulações e fofocagens! Nesse momento não é o meu nome que está em jogo, nesse momento estão em jogo comigo MILHÕES DE CRISTÃOS QUE LUTAM PELA FAMILIA ASSIM COMO EU.

Que fique bem claro aqui de uma vez por todas, NAO SOU HOMOFÓBICO. O que as pessoas fazem nos seus quartos não é do meu interesse. Sou contra a promiscuidade que fere os olhos de nossos filhos, quer seja na rua, nos impressos, na net ou na TV. Respeito o ser humano, mas tenho o direito de ser repeitado também! NÃO SOU RACISTA! Sou Brasileiro com um sangue miscigenado, por africanos, indios e europeus. SOU CRISTÃO sim Senhor.

Peço oração a todo o povo cristão brasileiro, os que lutam pela familia, os que amam ao Senhor, e os que me conhecem há tempos, e sabem que como todo brasileiro sou afro-descedente. Auxilío missionários no continente africano com sustento. E ja estive por lá e bem sei da luta daquele sofrido povo. E oro por eles!

Um abraço fraterno naquele que quebrou todas as maldições, Jesus o Senhor!

Agradeço a toda mídia brasileira pelo respeito e apreço.

Pr. Marco Feliciano

Deputado Federal PSC-SP"

O Pastor Marco Feliciano necessita de nossas orações, divulgue em sua igreja, leve para os grupos de orações clame a Deus para que outros parlamentares que se dizem evangélicos tomem posição em defesa aos principios morais e defesa da familía.

7 comentários:

  1. Parabéns Pr. Marcos 211.838 Votos Validos, Sendo eleito Deputado Federal de SP mais bem votado pelo Partido PSC, da Coligação: PSC e PHS. Sendo em 1° Lugar de SP o Humorista Tiririca, entre outros o Pr. Ficou como 12° Deputado mais bem votado de SP.
    O Exmo. Sr. Pr. Marcos Feliciano ao qual tenho admiração, acredito que o Sr. Foi muito Infeliz nas suas colocação, deveria lembrar que foi eleito Deputado federal para representar todo o povo de São Paulo, O Nobre Dep. Foi eleito pelos irmãos evangélicos, mais todo cidadão e cidadã de SP, pagam impostos ao qual pagam muito bem pago o salário dele.
    Todos merecem respeito independente de raça, cor, religião ou orientação sexual.
    Jean é um grande representante:
    Jean Wyllys foi eleito deputado federal eleito pelo PSOL-RJ para o mandato 2011-2015. É escritor, com três livros publicados; professor universitário na Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) e Universidade Veiga de Almeida (UVA), ambas no Rio; e é colunista do jornal Correio da Bahia. Foi vencedor do programa de reality-show Big Brother Brasil, em 2005.

    ResponderExcluir
  2. Não é sinônimo de coragem e sim prova cabal da desprezível covardia humana os comportamentos de intolerância e humilhação contra os mais fracos, contra aqueles vulneráveis socialmente e massacrados pela classe social, gênero, cor da pele, orientação sexual, convicção religiosa… isso tem permitido a muitos espancar, violentar, mutilar e assassinar seres humanos. A crueldade desses métodos, dissimulados ou explícitos, tem constituído inaceitável direito por alguns de marcar pela violência imunda e cruel o corpo e a dignidade de outros com a prática que deve ser chamado de crime de racismo, homofobia, intolerância religiosa, machismo e, portanto iniqüidade contra os que pensam, vivem e amam de forma diferente dos padrões e valores hegemonicamente aceitos em nossa sociedade.
    Ao longo da história da humanidade, sob a égide da intolerância, milhões de vidas humanas foram destruídas pelos preconceitos e pela tentativa de supremacia do poder material e das convicções pessoais ou espirituais de uns sobre o esmagamento da dignidade dos outros.
    coração de outros.
    Revisitando a nossa própria história temos obrigações com a construção ao menos de uma sociedade de menos barbárie e a necessária preservação das lembranças que insistem em nos dizer: …A ninguém é dado o direito de esquecer os terríveis colares de orelhas humanas que eram ostentados pelos caçadores de escravos ou as marcas de ferro em brasa que marcavam os negros ou os ganchos de ferro que atravessavam as costelas das negras e as penduravam para sangrar até morrer… A ninguém é permitido esquecer das pequeninas mulheres menininhas pobres que têm suas virgindades leiloadas e são estupradas pelos políticos bandidos e autoridades vagabundas de coração de outros.

    ResponderExcluir
  3. Revisitando a nossa própria história temos obrigações com a construção ao menos de uma sociedade de menos barbárie e a necessária preservação das lembranças que insistem em nos dizer: …A ninguém é dado o direito de esquecer os terríveis colares de orelhas humanas que eram ostentados pelos caçadores de escravos ou as marcas de ferro em brasa que marcavam os negros ou os ganchos de ferro que atravessavam as costelas das negras e as penduravam para sangrar até morrer… A ninguém é permitido esquecer das pequeninas mulheres menininhas pobres que têm suas virgindades leiloadas e são estupradas pelos políticos bandidos e autoridades vagabundas de coração de outros.
    Revisitando a nossa própria história temos obrigações com a construção ao menos de uma sociedade de menos barbárie e a necessária preservação das lembranças que insistem em nos dizer: …A ninguém é dado o direito de esquecer os terríveis colares de orelhas humanas que eram ostentados pelos caçadores de escravos ou as marcas de ferro em brasa que marcavam os negros ou os ganchos de ferro que atravessavam as costelas das negras e as penduravam para sangrar até morrer… A ninguém é permitido esquecer das pequeninas mulheres menininhas pobres que têm suas virgindades leiloadas e são estupradas pelos políticos bandidos e autoridades vagabundas de Alagoas ou em qualquer outro pedaço de terra deste planeta… … A ninguém é concedido o poder de humilhar com palavras chulas e vulgares ou esbofetear, mutilar e assassinar alguém por sua orientação sexual ou por sua relação homoafetiva… A ninguém deverá ser possível fingir que não viu o mendigo ou morador de rua ou índio em chamas, todos assassinados porque eram o retrato da triste e angustiante miséria humana…
    ou em qualquer outro pedaço de terra deste planeta… … A ninguém é concedido o poder de humilhar com palavras chulas e vulgares ou esbofetear, mutilar e assassinar alguém por sua orientação sexual ou por sua relação homoafetiva… A ninguém deverá ser possível fingir que não viu o mendigo ou morador de rua ou índio em chamas, todos assassinados porque eram o retrato da triste e angustiante miséria humana…
    Quem tem realmente coragem de tentar mudar o mundo e construir uma nova sociedade de paz, ética, justiça e solidariedade não prioriza atacar covardemente os mais frágeis e vulneráveis socialmente e não ousa quebrar em pequenos fragmentos de dor e humilhação o coração daqueles que muitas vezes nem podem escolher como viver. Quem realmente quer semear generosidade e respeito em nossa tão frágil “democracia” possibilita, desde a infância em casa até as atividades educacionais e culturais em público, a compreensão ética da belíssima diversidade humana e assim usará a coragem com suas palavras de fogo e esperança inquebrantável contra os reinos podres de corrupção, violência e poder e jamais ostentará arroubos de covardia contra os mais pobres, simples e vulneráveis socialmente!

    ResponderExcluir
  4. Marcos Feliciano frases infelizes:
    “Nunca me rebaixarei a ser um político”.
    “ Africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé. Isso é fato. O Motivo da maldição é a polêmica. Não sejam irresponsáveis.rsrrsrsrs”
    “ Meu Nome Não é osso para esta na boca de Cachorros”
    Isso é racismo !!!

    Adeildo Albuquerque

    ResponderExcluir
  5. Caro Adeildo, creio que o meu amado irmão não leu o artigo todo. O próprio Pr. Marco Feliciano esclarece esta acusação de racismo, por favor, leia com calma e veja que o Pastor Marco estava fazendo uma defesa teológica e não de racismo: Marco Feliciano disse que tudo não passou de uma “infelicidade”. “Sou professor de teologia, e uma vez por dia posto no meu twitter uma pergunta bíblica para meus alunos. A questão do dia tinha sido essa: ‘por que Noé ficou furioso com o filho, que o viu nu, e amaldiçoou o neto e não o próprio filho?’” Segundo a explicação que ele deu à reportagem, Noé, enfurecido, teria lançado uma praga sobre o neto para machucar mais o filho, e esse neto, Canaã, teria dado origem aos povos africanos.
    Gn. 9:22-25 - E viu Cão, o pai de Canaã, a nudez do seu pai, e fê-lo saber a ambos seus irmãos no lado de fora. Então tomaram Sem e Jafé uma capa, e puseram-na sobre ambos os seus ombros, e indo virados para trás, cobriram a nudez do seu pai, e os seus rostos estavam virados, de maneira que não viram a nudez do seu pai. E despertou Noé do seu vinho, e soube o que seu filho menor lhe fizera.E disse: Maldito seja Canaã; servo dos servos seja aos seus irmãos.E disse: Bendito seja o SENHOR Deus de Sem; e seja-lhe Canaã por servo. Alargue Deus a Jafé, e habite nas tendas de Sem; e seja-lhe Canaã por escravo..

    No texto acima temos a citação bíblica onde Noé amaldiçoa o descendente de Cão, ou seja, toda a sua descendência, pois Canaã era o mais moço. Canaã representa diretamente a descendência de Cão representando todos os seus filhos.

    Gn. 10:6 - E os filhos de Cão são: Cuxe, Mizraim, Pute e Canaã.

    Acima vemos os filhos de Cão. Entre eles Cuxe. Veja abaixo a citação do Historiador Hebreu:

    Flavio Josefo dá conta da nação de Cuxe, filho de Cam e neto de Noé: "Para um dos quatro filhos de Cam, o tempo não para toda a mágoa o nome de Cush; para a Etiópia, sobre o qual reinou, são ainda menos Neste dia, tanto por si e por todos os homens na Ásia, etíopes chamados.” (Antiquities of the Jews 1.6). (Antiguidades dos Judeus 1,6).

    Bem, citando a bíblia e a história, a veracidade sobre a postagem. AFRICANOS DESCENDEM DE CÃO, FILHO DE NOÉ.

    Segundo a Explicação:

    Como Cristãos, cremos em bênçãos e, portanto não podemos ignorar as maldições. Recai sobre o homem o peso da lei, toda vez que por ele a lei é quebrada.

    Ex.34:7 que conserva sua graça até mil gerações, que perdoa a iniqüidade, a rebeldia e o pecado, mas não tem por inocente o culpado, porque castiga o pecado dos pais nos filhos e nos filhos de seus filhos, até a terceira e a quarta geração “.

    Alguns crêem que tudo acontece aqui na "horizontal" da existência, tipo, problemas vem por culpa do governo, empresários, etc. Mas nós cristãos cremos que existem coisas que vem da "vertical", ou seja, cremos que Deus governa o mundo. E sua palavra não volta atrás .

    Todavia, também cremos que toda vez que o homem, a família, o país, entrega os seus caminhos ao Senhor, toda maldição é quebrada na cruz de Cristo!

    Tem ocorrido isso no continente africano. Milhares de africanos, tem devotado sua vida a Deus e por isso o peso da maldição tem sido retirado, afinal esta escrito na palavra de Deus:

    Is.10:27 - A unção despedaça o jugo!

    Gl. 3:13 - Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro;

    ResponderExcluir
  6. Com relação às frases citadas pelo irmão creditadas ao Pastor Marco, favor citar a fonte, nem tudo o que a grande mídia lança devemos receber como verdade absoluta. Algumas ditas pelo Pastor muitas vezes são descontextualizadas, e temos que fazer uma análise com responsabilidade, pois, Infelizmente uma parte da mídia é tendenciosa e defende causas que são contra os princípios de Deus e tem influenciado a muitos que se deixam ser guiado sem fazer uma reflexão dentro dos padrões da palavra de Deus, não é de se estranhar que o mundo esteja como está. Em sua defesa o Pastor Marco Feliciano também relata de um grupo que vem espalhando pela internet mentiras e difamações com relação a ele. Por isso, muito cuidado. Com relação à biografia do deputado Jean Wyllis, pode ter algum valor perante os homens, mas nada quer dizer nada perante a Deus. Todos os títulos e conhecimento que este senhor tem de nada valerá para alcançar a vida eterna, se ele não se arrepender de seus pecados, pois em 1 Corintios 6:9-10 diz:“Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus? Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus.“ Amamos nossos irmãos homossexuais, mas não concordamos com suas práticas, o próprio Deus ordena: “Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; é abominação" (Levítico 18.22; 20.13). e "O corpo não é para prostituição, senão para o Senhor, e o Senhor para o corpo" (I Coríntios 6:13b).
    Louvo a Deus pela vida do pastor Marco Feliciano, pois tem defendido os valores da família e cristãs, e o que o mundo necessita hoje é de pessoas que defendam os valores morais. Não é porque um grupo se intitula como minoria que terá direitos para subjugar os direitos do próximo, quero ter o direito de criar meus filhos nos princípios cristãos, quero o respeito de exercer minha fé entendendo que Deus criou homem e mulher e eles constituem a família, quero ter o direito de poupar meus filhos de verem dois homens se beijando em espaço público, pois espaço público é para todos e não só das "minorias". Sei que nossa sociedade tem esquecido os princípios de Deus, e tem sua mentalidade formada pela imprensa, nosso povo já não pensa livremente, mas vai pelo senso comum, "se todo mundo diz que é certo é porque tem que ser", "se o artista famoso diz que é certo é porque tem que ser" Sonham com uma sociedade mudada pelas "mentes brilhantes" “os cabeças”, grande engano, esta sociedade só vai mudar quando o homem deixar Jesus dominar em sua vida, pois Jesus em primeiro lugar muda o interior, pois todos os problemas de uma sociedade estão no interior do homem, em sua alma pecaminosa, somente quando o homem entender isso e deixar seus maus caminhos e deixar Jesus reinar e dar ouvidos a palavra de Deus, teremos uma sociedade mais justa.
    No amor de Cristo Pr. Flávio Neres.

    ResponderExcluir
  7. Amarás o teu próximo como a ti mesmo.
    Eu amo o próximo independente de cor,raça,religião e orientação sexual, não sou gay !!! mais nem por isso saio por ai postando em redes sociais ódio aos gays e negros,ou outras pessoas que tenham o pensamento diferente do meu.
    Me preocupa sim, o fato dos meus filhos presenciar em praça publica duas pessoas do mesmo sexo se beijando, mais me preocupa mais ainda:
    Os bandidos a solta em praças publicas e meus filhos tendo que se desviar dos tiroteios... Me preocupo com as Drogas e a Prostituição tomando de conta das escolas e praças publicas.
    Me preocupo com a fome e a miséria de outras crianças por falta de oportunidade, e não só me preocupo mais fico indignado com os Políticos que estão mais preocupado com o valor do seu palitó Japonês, com seu creme de cabelo e seus carros e perfumes importados, do que com uma criança em seu país que passa fome.
    Paz do Senhor !!!

    ResponderExcluir